Como fazer para preencher o carnê de papel GPS do INSS

Como fazer para preencher o carnê de papel GPS do INSS

Gostaria de aprender como fazer para preencher o carnê físico (Guia GPS) do INSS? Saber preencher a Guia da Previdência Social é fundamental para aqueles que desejam contribuir com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), com a finalidade de estar amparado pelo governo em eventuais doenças, acidentes e outros problemas que possam impedir o trabalho e ganho de recursos.

É fundamental também para aqueles que desejam se aposentar, mesmo com as mudanças constantes nas regras de aposentadorias, ainda sim é interessante estar em dia com as contribuições previdenciárias, mesmo que de forma autônoma.

Muitos realizam o pagamento da Guia GPS de forma online, inclusive já temos um artigo aqui no site que explica passo a passo como utilizar este método. Porém muitos ainda contribuem através do carnê (de forma física) e para quem está começando, saber preencher corretamente a guia é muito importante.

O que é o carnê da Guia GPS da Previdência?

A Guia GPS, abreviação para Guia da Previdência Social é nada mais do que um documento onde são inclusos todos os seus dados previdenciários e pessoais, para que possa ser feito o pagamento da contribuição do INSS. Através do pagamento da guia o trabalhador passa a ser “afiliado” a previdência social, onde terá direito a uma aposentadoria (desde que esteja de acordo com as regras) por tempo de contribuição, idade e/ou invalidez e também:

  • Auxílio maternidade;
  • Auxílio acidente;
  • Auxílio doença;
  • Auxílio reclusão;
  • Pensão por morte;
  • Entre outras opções que podem ser conferidas através do próprio site ou agências do INSS.

Esse valores a serem recolhidos, deverão ser pagos pela Guia GPS, através de um desconto em folha, pago pelo empregador ou também por autônomos, segurados especiais, contribuintes facultativos, empregador doméstico e outros casos atrelados ao INSS.

O carnê da GUIA GPS nada mais é do que o carnê físico, em papel, da guia de pagamento, que é vendido em bancas, papelarias e outros comércios.

Como fazer para pagar o INSS como autônomo?

É preciso seguir quatro etapas para poder pagar o INSS de forma autônoma e garantir os direitos da previdência. Estas etapas são:

  • Inscrição do NIT (PIS);
  • Tipo de contribuição e valores a serem pagos;
  • Preenchimento do carnê de pagamento (Guia GPS);
  • Fazer o pagamento dos valores a serem recolhidos.

Qual é o teto máximo de pagamento da previdência social?

Inscrição do NIT/PIS/NIS

Caso você já tenha trabalhado em algum momento com carteira assinada, não é preciso realizar esta etapa. Todos que fazem o pagamento da contribuição do INSS contam com um cadastro no Programa de Integração Social (PIS) e um Número de Inscrição do Trabalhador (NIT) ou o Número de Inscrição Social (NIS). O número estará descrito em sua carteira de trabalho.

Para verificar o número do NIT, você pode ir também até uma agência da Caixa Econômica Federal munido de um documento pessoal (de preferência o RG ou outro com foto) e então solicitar o número.

Caso você não tenha o número do NIT/PIS/NIS por não ter feito nenhuma contribuição para a previdência, será necessário fazer a sua inscrição. Você pode ir até uma agência do INSS e solicitar a sua inscrição, obter e solicitar informações sobre o cadastramento através do telefone 135 ou realizar a sua inscrição de forma online através do site:

Clique em “INSS”, depois em “Inscrição”, “Filiado” e então preencha:

criacao NIS pagamento carne inss

  • Nome do filiado;
  • Nome da mãe do filiado;
  • Data de nascimento;
  • Número do CPF;
  • Insira o texto da imagem de segurança e então clique em “Continuar”.

criando nis pis carne inss

Siga corretamente os passos descritos pelo próprio site do CNIS e então você terá o seu número para utilizar nas contribuições previdenciárias.

Tipo de contribuição e valores a serem pagos

Para poder fazer o preenchimento da Guia GPS é preciso saber qual o tipo de contribuição deseja fazer e quais serão os valores. Atualmente há dois tipos de contribuintes mais comuns, o Contribuinte Individual (normal) e o Contribuinte Individual (simplificado).

Aqui no Como Fazer Fácil nós temos um artigo com TODOS os códigos de pagamento da Guia GPS.

  • Contribuinte individual (normal) | Código 1007

Este é o código de recolhimento para aqueles que desejam pagar 20% do rendimento total. É possível contribuir sobre o mínimo ou sobre o teto máximo do ano recorrente. Mesmo que os ganhos mensais sejam maiores que o teto, não é possível fazer uma contribuição maior. Recomendamos que neste caso, além do INSS, invista o dinheiro em outra aplicação, como por exemplo, renda fixa.

O código 1007 da direito a aposentadorias por idade e tempo de serviço.

  • Contribuinte individual (simplificado) | Código 1163

Esta contribuição é feito sobre 11% do salário mínimo do ano vigente, sendo recalculada todos os anos. Ela só concede aposentadorias por idade e o valor máximo do pagamento após a aposentadoria é de um salário mínimo. Ela também da direito às pensões e auxílios o INSS ao longo da vida.

Como fazer para preencher o carnê GPS do INSS?

Como a intenção deste artigo é ensinar o preenchimento do carnê físico do INSS, vamos focar apenas neste modelo, mas saiba que há outras duas maneiras de forma online, uma através do próprio site da Previdência e outra através do Internet Banking.

ATENÇÃO: É preciso prestar muita atenção no primeiro preenchimento, para não ter problemas no futuro. Recomendamos inclusive que consulte o INSS através do 135 ou pessoalmente nas agências, para saber se o mesmo foi feito corretamente (dados pessoais e dados previdenciários). É possível também pedir auxílio ao seu contador.

Primeiramente compre um carnê da Guia GPS em uma papelaria, ela tem este formato:

imagem do carne guia gps previdencia social

 

A área que deve ser preenchida é esta:

guia recolhimento contribuicao inss gps

  1. No espaço 1, preencha o seu nome completo, telefone de contato e endereço completo;
  2. No espaço numerado com o 2, deixe em branco, pois é de preenchimento exclusivo da Previdência Social;
  3. Na área 3 do carnê será preciso informar o código de pagamento, este é o número que irá definir o tipo de contribuinte. Voltando neste artigo você encontra os mais comuns e um link para todos os códigos disponíveis na Receita Federal;
  4. No espaço de número 4, intitulado de “Competência”, é preciso preencher o mês e o ano de contribuição, sem abreviar o mês e o ano. Exemplo: 05/2018 e não 5/18;
  5. No espaço classificado como “Identificador”, marcado pelo número 5, é preciso colocar o seu número de identificação do INSS. É possível que seja o PIS/PASEP ou outro que seja fornecido pelo Instituto;
  6. No sexto espaço insira o valor da contribuição do mês em que está realizando o pagamento;
  7. Quem for contribuinte individual não precisa preencher os campos 7, 8, 9 e 10.

Na área TOTAL, correspondente ao número 11, é preciso preencher o valor total da contribuição, onde para contribuintes individuais os valores são os mesmos da área 6.

E por fim o espaço 12, é exclusivo para o banco, realizando a sua autenticação. Não precisa que o contribuinte preencha.

Pagando o carnê da Previdência Social

Após seguir as dicas acima é necessário ir até uma agência bancária, de preferência ao Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal, que são bancos atrelados ao governo federal, ou à uma agência lotérica. O pagamento do carnê deve ser feito no prazo máximo do dia 15 de cada mês. Caso passe deste dia, ou você irá perder o mês, ou deverá pagar juros e multas sobre o valor devido.

Saiba mais sobre o pagamento em atraso do INSS.

Não é possível adiantar parcelas de contribuição. É preciso seguir o cronograma de pagamento e todas as regras do INSS, onde o resgate só poderá ser feito a partir da idade mínima exigida pelo órgão.

Anterior Como fazer molho mostarda e mel (Honey Mustard) do Subway
Proximo Restituição do IR - Como fazer para gerar o código de acesso?

Sobre o autor

Wes
Wes 881 posts

Vencer sem lutar, é como triunfar sem glória.

Voce tambem podera gostar de:

Passo a passo 0 Comentarios

Como fazer para localizar um celular Android roubado ou perdido?

Você teve o seu celular Android roubado ou perdido recentemente e gostaria de saber a sua localização? Então está no lugar certo, pois hoje estaremos falando TUDO sobre como localizar… Leia mais

Passo a passo 0 Comentarios

Como revelar negativos antigos em casa

Você está com aqueles negativos parados em casa e gostaria muito de poder revelar, para ter suas fotos antigas em tamanho maior ou para simplesmente guardar de recordação? Hoje estaremos… Leia mais

Passo a passo 2 Comentarios

5 dicas para cortar cebola sem chorar

Chegou a hora de cortar cebola e você pensa duas vezes antes de fazer isso por que sabe que vai chorar, mas mesmo assim realiza esse procedimento, pois a cebola… Leia mais

Passo a passo 0 Comentarios

Calculadora online do INSS – Quanto tempo falta para aposentar?

O meu.inss.gov.br do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) acabou de lançar uma nova ferramenta para calcular de forma totalmente online quanto tempo falta para aposentar. Nesta calculadora o segurado… Leia mais

Passo a passo 0 Comentarios

Como se inscrever no programa Vale Tudo e Vale Tudo Internet do SBT

Você tem algum talento especial? Sabe cantar, dançar, fazer uma apresentação diferente ou qualquer outra coisa? Que tal mostrar o seu talento na televisão? O novo programa Vale Tudo apresentado… Leia mais

Passo a passo 0 Comentarios

Como fazer para acabar com as traças

Você foi pegar aquela sua roupa que fazia alguns dias que não usava para sair e notou que existem alguns buraquinhos nela? Então você está com um problema que é… Leia mais

  1. Renato
    dezembro 10, 15:16 Responda
    Bem esclarecedor amigo , me ajudou bastante. Obrigado!
    • Wes
      dezembro 11, 21:40 Responda
      De nada Renato! Obrigado você pelo comentário!

Escreva uma resposta